SUA HISTÓRIA

A partir de sua própria coleção e com o aporte de doações de seus contemporâneos, o Professor de Cirurgia Dr. Guillermo Bosch Arana inaugurou no ano 1934 o “Museo Histórico de Cirugia”. Contava com um conjunto de valiosas peças, entre as quais se destacam as 25 caixas de cirurgia de origem francesa – que datam de 1872 e pertenceram ao médico argentino Martín Llavallol - assim como o instrumental cirúrgico de notáveis inovadores da medicina argentina, tais como os doutores Ignacio Pirovano (impulsionador da anti-sepsia no nosso país), Cecilia Grierson (primeira médica argentina), Juan B. Justo, introdutor da assepsia em nosso meio através da esterilização por autoclave (ademais, fundador do Partido Socialista argentino) e Nicolás Repetto (destacado discípulo de Justo, na medicina e na política).

Este Museu foi transferido ao Instituto e Cátedra de História da Medicina, quando este é criado em 1936-1937, e passou a se chamar “Museo de Historia de la Medicina”, recebendo em 1962 seu nome atual em homenagem a um destacado pesquisador do Instituto.
 

      Text on Surgery.1788                    Stethoscope c. 1895

Voltar à página inicial